Fiscalização e multa dos postos de gasolina na Bahia. Previna-se!

De um lado, a altíssima incidência de descargas atmosféricas no Brasil que chega a ser a maior do mundo. Do outro, uma localidade que contém propriedades altamente inflamáveis e que precisa se precaver bastante contra incêndios. Junte os dois fatores e fica fácil entender o porquê de postos de gasolina terem a necessidade de ter um Sistema de Proteção Contra Descargas Atmosféricas (SPDA).

As estatísticas provam!

Segundo o INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), 100 milhões dos 3,15 bilhões de raios que desabam no mundo caem aqui no Brasil.

Parece simples pensar que a chance de um raio cair em uma pessoa é ínfima (uma em um milhão). Porém, o risco de uma pessoa vir a óbito aumenta exponencialmente em algumas situações.

Quando se leva em consideração a incidência de raios em locais inflamáveis ou de grande tensão, que podem gerar um incêndio, ou uma sobrecarga no local, a descarga atmosférica (raio) pode ser fatal.

O cenário empresarial brasileiro não tem o costume de investir em projetos de engenharia. Por falta de orçamento, ou senso de urgência, o uso de “gambiarras” para o funcionamento dos estabelecimentos tornou-se regra.

O que a falta de segurança nos postos de gasolina pode ocasionar?

A consequência disso é óbvia: cerca de 100 mortes por ano e a perda de inúmeros aparelhos por sobrecarga. Assim, juntando as variáveis, fica claro que é muito mais seguro e menos custoso investir em um projeto de engenharia.

“O Barato que sai caro”

Fiscalização de postos de gasolina na Bahia

Pensando nisso, a SSP-Ba (Secretaria de Segurança Pública da Bahia) aumentou nos últimos tempos a fiscalização em torno desse tema, gerando altas multas para os postos que não se regularizarem.

Não se pode vacilar com segurança. Quanto mais preventivo for, melhor para as pessoas e para o próprio estabelecimento.

Leia mais!
  1. Combate a incêndio causado por ar-condicionado: Previna-se!
  2. O que é SPDA? Descubra tudo sobre o popular para-raios.
  3. Acidentes e Fiscalização: Saiba já como se prevenir!


Escreva um comentário