descargas-eletricas-eletrojr

Mitos e Verdades sobre Descargas Elétricas

O Brasil é um recordista mundial na incidência de raios. Todos os anos milhares deles atingem as nossas cidades e alguns chegam até a gerar danos físicos e materiais. Com isso, o senso comum adotou, ao longo do tempo, alguns mitos  e verdades sobre descargas elétricas, como desligar aparelhos domésticos ou cobrir espelhos. Mas, afinal, no que devemos acreditar? 

Vamos desmistificar e explicar um pouco sobre a ciência por trás das descargas atmosféricas, trazendo para vocês dados muito legais sobre esse fenômeno da natureza.

Ficar dentro do carro durante uma tempestade é seguro

Verdade. A carcaça metálica do carro funciona como uma grande gaiola que retém a descarga elétrica e impede que o raio penetre e atinja os passageiros. No entanto, é importante salientar que não é seguro sair do carro, pois o mesmo está completamente eletrizado e pode gerar dano físico às pessoas.

Carro durante uma chuva

Caso você queira entender melhor a física por trás desse fenômeno, você pode ler este texto que explica de forma bem sucinta o que ocorre.

Espelhos atraem raios 

Mito. Essa crença é baseada em histórias antigas, que derivam do Brasil Colonial, época na qual os espelhos eram sustentados por grandes estruturas metálicas dentro das casas, e estas estruturas atraem raios. Devido à refletividade do espelho, dava-se a impressão de que o raio havia sido atraído por ele, mas somente os metais (em geral, pontiagudos), atraíam os raios para dentro das casas na época.

Espelhos atraem raios?

Você pode conferir melhor informações sobre os fatores que te protegem em uma chuva lendo este texto.

 

Não podemos usar o celular (ou outros aparelhos eletrônicos) durante uma tempestade

Mito. A utilização dos aparelhos é permitida desde que os mesmos estejam fora da tomada. Há perigo em utilizar telefones com fio ou celulares conectados ao carregador durante tempestades pois, no caso de uma descarga atmosférica, a corrente elétrica pode ser transmitida através da rede e atingir alguém, causando choque elétrico e queimaduras por vezes graves. Portanto, durante temporais, evite carregar o celular ou utilizar aparelhos conectados diretamente à tomada. Dê preferência a usar o Wi-Fi e o carregamento por meio de baterias portáteis.

Exemplo de Celular carregando

Você pode entender melhor sobre o assunto, sobre o assunto conferindo o nosso texto específico sobre raios e celulares, onde o assunto é explicado de forma mais detalhada.

Edifícios precisam ter para-raios 

Verdade. O para-raios (ou captor) é um dispositivo de proteção dimensionado para receber e neutralizar a descarga elétrica de um raio, tendo como objetivo mitigar danos físicos e materiais a uma edificação. Este dispositivo, assim como quaisquer outros, está sujeito a deterioração com o passar dos anos, o que pode comprometer a sua estrutura e funcionamento. Nesse sentido, é importante que a manutenção preventiva seja realizada periodicamente no Sistema de Proteção Contra Descargas Atmosféricas (para-raios), de modo a manter a segurança e integridade das pessoas que habitam no local.

Se você quiser saber mais sobre a manutenção do SPDA, acesse esse checklist sobre SPDA e não deixe de se antecipar aos acontecimentos com a sua edificação!

E então? Você já caiu em algum desses mitos sobre raios? 


Escreva um comentário